[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Computador Magalhães - 354 mil alunos inscritos, 200 mil têm o portátil

in suplemento do ”Diário de Aveiro” – 24-02-2009

Cerca de 354 mil alunos do primeiro ciclo estão inscritos no programa e-escolinha, para receberem um computador Magalhães: e 200 mil têm o portátil até agora. Os restantes serão distribuídos até ao final de Março
A iniciativa e-escolinha consiste na disponibilização aos alunos do primeiro ciclo do ensino básico (1.°, 2.°, 3.° e 4.° ano) de um computador portátil por um custo que varia entre os zero e os 50 euros, durante o ano lectivo de 2008/2009, havendo ainda a possibilidade de acesso à Internet.
Fonte do Ministério da Educação disse à Lusa que há 354 mil crianças inscritas para ter um Magalhães, tendo sido entregues cerca de 200 mil.
Entretanto, a empresa que produz o computador, JP Sá Couto, anunciou que até finais de Março serão entregues os restantes portáteis às escolas.
Sobre a promessa dos computadores serem entregues até final de Março, o presidente da Confederação Nacional das Associações de Pais, Albino Almeida, afirmou que se "corresponder à verdade, as escolas terão o último período para se preparem para o próximo ano lectivo, definindo a metodologia e as estratégias" a adoptar sobre a utilização do Magalhães.
E que face aos "atrasos nas entregas e à forma como estão a decorrer", este ano lectivo será apenas para preparar "a utilização do Magalhães de forma cabal no próximo ano lectivo", considera a Confap.
A 23 de Setembro último, o Executivo estimava entregar até ao final do ano um total de 500 mil Magalhães. A 29 de Dezembro, fonte do ministério das Obras Públicas reconheceu à Lusa que houve alguns atrasos, mas assegurou que as entregas tinham entrado já em "velocidade de cruzeiro",
Em Janeiro passado, o Governo abriu as inscrições para os alunos do ensino particular e cooperativo que pretendam ter um computador Magalhães, "um universo que pode abranger mais de 50 mil crianças".

Publicado por: Jorge Frota

Sem comentários: