[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

sexta-feira, 30 de abril de 2010

Instituto Alana denuncia McDonald’s e Habib’s para o Procon

29/4/2010


Representação questiona campanhas para promover combos infantis com brindes das duas redes de fast food
Em janeiro, McDonald’s e Habib’s foram notificados pelo Projeto Criança e Consumo, do Instituto Alana, a respeito das peças publicitárias dirigidas a crianças sobre seus respectivos combos infantis. As duas empresas responderam em fevereiro, mas não deixaram de veicular a campanha nas emissoras de TV. Por isso, em abril o caso foi denunciado ao Procon de São Paulo. Segundo a denúncia do Criança e Consumo, os filmes tentam convencer crianças a colecionar os “agarradinhos” do McDonald’s e os “bichinhos” da rede Habib’s. O comunicado oficial do McDonald’s argumenta que a publicidade estimula o consumo de alimentos saudáveis, pois mostra combos compostos por produtos como sucos, cenouras em formato aperitivo e nuggets de frango no lugar do tradicional trio refrigerante, batata frita e hambúrguer. O mesmo afirma o Habib’s, que ainda diz que todos os produtos são assados, evitando o consumo de frituras. “O problema é que a publicidade continua se dirigindo à criança, que não tem discernimento para determinar o que e de que forma consumir. A abusividade está, sobretudo, na forma como essas companhias tentam atrair o público infantil, contribuindo para a formação de hábitos pouco saudáveis, sempre baseados na cultura do excesso”, explica Isabella Henriques, advogada e coordenadora geral do Criança e Consumo. Regulamentação Lançada em março deste ano, pesquisa do Instituto Alana feita pelo Datafolha revelou que 75% dos pais entrevistados concordaram com a frase “A oferta de prêmios e brindes influencia a escolha do produto/ alimento pelo(s) meu(s) filho(s)”. A pesquisa foi realizada na cidade de São Paulo e ouviu pais de crianças entre 3 e 11 anos de idade. Estudos científicos indicam que até os 12 anos as crianças não compreendem inteiramente o poder de persuasão da comunicação mercadológica. Ainda assim, mais de 50% das campanhas do setor alimentício veiculadas na TV são voltadas para esse público. No ano passado, 22 empresas da indústria brasileira de alimentos assumiram um compromisso público para restringir as estratégias de marketing infantil. O Habib’s não é signatário desse documento. Já o McDonald’s está entre os signatários, além de ter divulgado mundialmente um código de ética com relação à publicidade em 2007.


Acompanhe o caso no site do Projeto Criança e Consumo http://www.alana.org.br/CriancaConsumo/AcaoJuridica.aspx?v=1&id=149

1 comentário:

Anónimo disse...

Hello. Facebook takes a [url=http://www.casinogames.gd]online baccarat[/url] lash on 888 casino apportion: Facebook is expanding its efforts to put real-money gaming to millions of British users after announcing a train with the online gambling associates 888 Holdings.And Bye.