[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

segunda-feira, 30 de junho de 2014

GM vai pagar ao menos US$ 1 milhão por morte causada por defeito na ignição




Valor será acrescido de compensações que variam de acordo com renda da vítima
por O Globo / Com New York Times
30/06/2014 11:13


Prédio da General Motors, em Detroit
AFP/STAN HONDA/10-01-2012
 
WASHINGTON — A General Motors pretende pagar pelo menos US$ 1 milhão a cada família que perdeu parentes em acidente causada pelo defeito na ignição em seus carros. O plano foi anunciado nesta segunda-feira pelo analista de compensação Kenneth Feinberg, contratado pela montadora para solucionar a crise na empresa.
 
Segundo Feinberg, o plano é amplo e deve cobrir todos os acidentes fatais, inclusive os não contabilizados entre os 13 que a montadora admitiu publicamente que estão ligados ao defeito de fábrica.

A fórmula encontrada pelo analista prevê, além da indenização mínima de US$ 1 milhão, um cálculo dos ganhos da vítima e US$ 300 mil para o cônjuge e cada dependente da vítima. Em um cenário traçado por Feiberg, uma família de uma mulher de 25 anos, casada, com dois filhos, e que ganhava US$ 46,4 mil por ano, receberia US$ 4 milhões de compensação, no total.

(...)

Sem comentários: