[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

quinta-feira, 9 de março de 2017

Taxas máximas no crédito ao consumo voltam a baixar no 2.º trimestre - BdP

Actualidade

por: Lusa
 09.03.2017
 
As taxas máximas aplicáveis à maioria dos contratos de crédito aos consumidores vão descer no segundo trimestre face ao primeiro trimestre deste ano, divulgou hoje o Banco de Portugal (BdP).

No entanto, os créditos pessoais com destino à educação, saúde, energias renováveis e locação financeira de equipamentos são os únicos que vêm a taxa máxima de juro subir face ao primeiro trimestre, de 5,5% para 5,6% no segundo trimestre do próximo ano.

Nos outros créditos pessoais (sem finalidade específica, lar, consolidado e outras finalidades), o limite máximo aplicável desce de 14,3% para 14,1%.

Sem comentários: