[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Há mais de 17 mil cães perigosos ou potencialmente perigosos

Quinta-Feira - 27 de abril de 2017
  Fundado em 29 de dezembro de 1864



Segundo a GNR, os ataques de cães perigosos fizeram 71 vítimas no primeiro trimestre deste ano.
Mais de 23.000 cães perigosos ou potencialmente perigosos foram registados em Portugal nos últimos 13 anos, segundo a Direção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV).

Numa resposta enviada à agência Lusa, a DGAV diz que desde que há base de dados (2004) registou um total de 21.626 cães potencialmente perigosos e 1.737 cães perigosos, mas tem hoje ativos 16.276 no primeiro caso e 1.496 no segundo.

Os registos considerados 'ativos' pela DGAV são os que não têm data de morte do animal averbada.

Segundo os dados da DGAV, no total têm registo ativo em Portugal 726.395 cães de todas as categorias, dos quais apenas 2,24% são potencialmente perigosos e 0,21% perigosos.

(...)

Sem comentários: