Descem os empréstimos, mas também baixam aqueles que estão em incumprimento. O Banco de Portugal, numa nota de informação estatística, dá conta de que o total de empréstimos concedidos pelos bancos às empresas e famílias desceu ligeiramente em abril, face ao mesmo mês do ano passado, ao mesmo tempo que houve uma melhoria nos créditos com prestações em atraso.

No final do mês passado, em concreto, o stock de crédito concedido pelos bancos às empresas era de 76.122 milhões de euros, menos 0,33% face a março e menos 7,0% em relação a abril de 2016.

Já nas famílias, falamos de 124.124 milhões de euros, uma estabilização face a março (+0,03%) e uma queda ligeira de 1,81% em relação a abril do ano passado.

Quanto a depósitos, os últimos dados disponibilizados pelo supervisor da banca dão conta de que os portugueses estão a depositar menos dinheiro nos bancos, consequência da opção por outras opções de poupança

(...)