Com este crescimento, o número de utilizadores de banda larga móvel vai crescer 2,6 mil milhões até 2022. Os números são do Ericsson Mobility Report 2017 cujas principais conclusões apontam para um crescimento anual de 25 por cento nos utilizadores de banda larga móvel.

Para contextualizar o número, a Ericsson refere que o número de novos utilizadores de banda larga móvel daria para encher um estádio de futebol (com capacidade para 50 mil pessoas) vinte vezes por dia.

De acordo com este relatório existem, atualmente, a nível global, 5,2 mil milhões de assinantes de serviços móveis de comunicações, contando com os 107 milhões referentes ao primeiro trimestre de 2017.

A Ásia foi o continente onde ocorreu o maior crescimento no número de assinantes, nomeadamente na Índia (mais 43 milhões), na China (mais 24 milhões), na Indonésia (mais 10 milhões) e do Paquistão (mais 5 milhões). A fechar o top cinco do crescimento está um país africano, a Nigéria que viu o número de assinantes móveis crescer 3 milhões.

(...)