[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

terça-feira, 6 de junho de 2017

Cinco milhões de refeições por ano salvas do desperdício em Lisboa


Desperdício Alimentar

Autor
Agência Lusa
O plano contra o desperdício alimentar na cidade de Lisboa evitou que cinco milhões de refeições por ano fossem parar ao lixo, alimentando, em contrapartida, cerca de 6.500 famílias.
Os resultados foram apresentados em conferência de imprensa pelo vereador da Câmara Municipal de Lisboa e Comissário Municipal de Combate ao Desperdício Alimentar, João Gonçalves Pereira (CDS-PP), que no final do mês termina a sua missão de juntar em rede as entidades que combatem o desperdício alimentar em Lisboa
MIGUEL A. LOPES/LUSA

O plano contra o desperdício alimentar na cidade de Lisboa evitou que cinco milhões de refeições por ano fossem parar ao lixo, alimentando, em contrapartida, cerca de 6.500 famílias, anunciou esta segunda-feira o Comissário Municipal de Combate ao Desperdício Alimentar.

Os resultados foram apresentados em conferência de imprensa pelo vereador da Câmara Municipal de Lisboa e Comissário Municipal de Combate ao Desperdício Alimentar, João Gonçalves Pereira (CDS-PP), que no final do mês termina a sua missão de juntar em rede as entidades que combatem o desperdício alimentar em Lisboa.

“Terminámos aqui um trabalho que iniciamos em maio de 2014 e um trabalho esse que permite, com as nossas instituições na cidade de Lisboa, resgatar qualquer coisa como cinco milhões de refeições que, se não tivessem sido recuperadas, tinham como destino o lixo“, afirmou o comissário, realçando que o combate ao desperdício alimentar não começou com o comissariado, mas este permitiu que as instituições que trabalhavam na área começassem a trabalhar em rede.

Este foi o último relatório de atividades do Comissariado, que será extinto, mas que ainda organizará a 26 de junho, em Lisboa, a conferência internacional “Local Food Security and Nutrition Strategies” sobre o combate ao desperdício, coorganizada em parceria com a FAO/Nações Unidas.
 
(...)

Sem comentários: