[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

quarta-feira, 21 de junho de 2017

Portugal entre os países onde a fatura da eletricidade mais pesa no salário

Consultora analisou tarifas em nove países europeus e concluiu que, em Portugal, a fatura da eletricidade representa 5,64% no salário médio, quase o dobro do registado em Espanha.


Entre nove países e regiões da Europa analisados pela consultora de tarifas de gás natural, eletricidade e telecomunicações Selectra, Portugal não só é o segundo país com o kWh mais caro, como também é o segundo país em que o valor da fatura de eletricidade representa uma maior percentagem do salário anual médio. Comparando com Espanha, o peso da fatura da eletricidade na remuneração em Portugal é quase o dobro. 

A conclusão integra o último estudo da consultora francesa sobre o mercado livre de eletricidade nos diferentes países em que atua na Europa: Portugal, Espanha, França, Grã-Bretanha, Bélgica, Itália, Turquia, Bulgária, e Áustria. 
 
Os consultores analisaram os valores do Kwh em cada país, tendo como referência os preços do mercado regulado ou das tarifas básicas das empresas líderes de mercado, num agregado familiar de duas pessoas e considerando potências baixas de aproximadamente 3,45 kWh.

A Grã-Bretanha regista o valor mais alto (0,19 euros/kWh), seguida de Portugal (0,1652 euros/kWh), França e Espanha. 
(...)

Sem comentários: