DESTAQUES


DESTAQUES

Ouvir com ReadSpeaker
13.07.2017
Os resultados da avaliação de radiações não-ionizantes feita pela ANACOM apontam para valores pelo menos 50 vezes inferiores aos níveis de referência de densidade de potência fixados legalmente.

Até ao final do 1.º semestre de 2017 foram recebidas na ANACOM 1 873 solicitações para análise de situações concretas sobre radiações, tendo sido terminados 1 869 processos (que envolveram a análise de 243 estabelecimentos de ensino) , muitos dos quais na sequência de medições no local.

Verificaram-se apenas 63 casos em que não se garantia o referido patamar 50 vezes inferior ao nível de referência sendo, contudo, em todos eles garantido o cumprimento dos níveis de referência legais.

Todas as conclusões das ações realizadas foram levadas ao conhecimento das pessoas ou entidades que solicitaram as avaliações.

Consulte:
 
Gráfico com os resultados da avaliação das radiações não ionizantes
Folheto: "O que precisa de saber sobre as antenas das estações de base dos telefones móveis"
Portaria n.º 1421/2004 de 23 de Novembro, que adota as restrições básicas e fixa os níveis de referência relativos à exposição da população a campos eletromagnéticos.  

(...)