[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Aviação Civil do Reino Unido investiga Ryanair



O responsável máximo da Aviação Civil britânica, Andrew Hains, afirmou que está "furioso" com a forma como a Ryanair está a tratar os clientes.

A Autoridade de Aviação Civil do Reino Unido (CAA) informou esta quinta-feira que iniciou uma investigação para determinar se a Ryanair infringiu os direitos dos clientes, depois do cancelamento de milhares de voos durante os próximos meses.

A CAA sublinhou, num comunicado, que tomou esta decisão porque a transportadora irlandesa continua "a enganar de forma persistente" os seus clientes sobre os seus direitos perante os cancelamentos e, por isso, está supostamente a violar a legislação britânica.

No final deste processo, que poderá tardar cerca de sete dias, a CAA pode adotar, "se considerar necessário", ações legais contra a Ryanair, que se mostrou disposta a cooperar com este regulador.

"Nós já respeitamos toda a legislação da União Europeia, reunir-nos-emos com a CAA e cumpriremos plenamente quaisquer requerimentos que nos imponham", indicou a transportadora líder 'low cost' ) na Europa.
(...)

Sem comentários: