[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Barrar entrada de crianças em estabelecimentos é ilegal, afirma Idec

Imagine reservar uma mesa para almoçar em um restaurante e, ao chegar, ser barrado por estar acompanhado de uma criança. 
 
No Brasil e no mundo, tem se formado um nicho de espaços que rejeitam a presença de crianças, com a justificativa de garantir a tranquilidade dos demais clientes. 
De acordo com a rede britânica BBC, este mercado vem na esteira do movimento childfree ("livre de crianças"), que existe desde os anos 1980 nos Estados Unidos e no Canadá para agrupar adultos que se sentiam discriminados pela sociedade por não terem filhos. 
Atualmente, no entanto, o movimento tem sido abraçado não só por restaurantes. Hotéis, resorts e até mesmo companhias aéreas estão aderindo ao “childfree”, seja impedindo a presença dos pequenos ou criando áreas especiais só para adultos. Tudo isso tem criado polêmica entre consumidores. Afinal, esse tipo de veto a crianças está dentro da lei? Eles podem fazer isso? Ler mais (...)

Sem comentários: