[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

terça-feira, 26 de setembro de 2017

Crianças no centro dos Conteúdos Online

25/09/2017
 
 
Crianças no centro dos Conteúdos Online
 
Todos temos memórias do nosso primeiro contacto com a Internet. As gerações mais antigas lembram-se da introdução do email no trabalho, enquanto que, para os jovens profissionais, os sons do modem de internet dial-up podem estar associados a memórias de dificuldades em aceder ao MSN Messenger, por exemplo. No entanto, os ambientes online atuais permitem que as crianças acedam à internet e aos conteúdos digitais, através de um clique (ou de um toque num ecrã tátil) e dada a idade jovem e sensível em que estas crianças acedem pela primeira vez à Internet, cada vez mais os conteúdos digitais podem ter um impacto determinante no seu desenvolvimento.

Na realidade, os conteúdos digitais podem contribuir para a aprendizagem e desenvolvimento de habilidades das crianças, ensinando-as a explorar a Internet e motivando para a sua participação como cidadãos ativos numa sociedade cada vez mais digital. Ao mesmo tempo é importante que estas crianças estejam protegidas de conteúdos potencialmente nocivos e sejam orientadas para conteúdos considerados apropriados, para a sua faixa etária.

João partilha “A minha irmã mais nova pertence à geração digital e, mais do que eu, foi atraída para a Internet numa idade precoce. É sempre um desafio oferecer liberdade e apoio necessários para que ela explore, a seu próprio risco, este mundo, mas consigo ver o quanto ela está a aprender com os chamados “Youtubers”. Estas celebridades online têm desempenhado um papel fundamental no desejo e vontade que a minha irmã tem pelo conhecimento”.

Se, por um lado, as crianças estão no coração desta campanha, por outro, também nos dirigimos às restantes partes interessadas. Os produtores e provedores de conteúdo têm o poder de moldar websites, aplicações, vídeos, jogos e outros tipos de conteúdos que serão pesquisados e encontrados por crianças, jovens e pais. Pais e educadores têm, neste aspeto, um papel fundamental a desempenhar, ao identificar e fornecer às crianças acesso a conteúdos digitais tanto em casa, como na sala de aula.
(...)

Sem comentários: