[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

quarta-feira, 27 de setembro de 2017

Estão a nascer menos cinco bebés por dia em Portugal

Ouvir Emissão

27.Set.2017

Dados do teste do pezinho revelam ainda que continua a verificar-se uma desertificação do interior do país.
Foto: Paulo Cunha/ Lusa
O número de nascimentos em Portugal está em queda este ano. Um decréscimo que contraria o aumento da natalidade que se verificava desde 2015. 

De acordo com o jornal "Público", entre Janeiro e Agosto, houve menos 1.216 recém-nascidos rastreados do que em igual período de 2016. São, em média, menos cinco bebés por dia, indicam os últimos dados do teste do pezinho, os exames de rastreio feitos aos recém-nascidos e que são um indicador fiável da natalidade em Portugal. 

Em 2015, após quatro anos sucessivos de quebras significativas da natalidade, nasceram mais cerca de três mil crianças do que em 2014 (um total de 85.500 bebés). No ano passado, o número voltou a aumentar para um total de 87.126. 

De acordo com o jornal, os dados do Programa Nacional de Diagnóstico Precoce revelam ainda que o processo de desertificação do interior prossegue: há distritos onde nasceram menos de mil crianças em 2016, como Bragança, Portalegre e Guarda, e outros em que os nascimentos se ficam por pouco mais de mil por ano, nomeadamente Vila Real, Castelo Branco e Beja. Em Bragança, Portalegre e Guarda, foram feitos testes do pezinho este ano a pouco mais de meia centena de crianças por mês.

(...)

Sem comentários: