[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

segunda-feira, 2 de outubro de 2017

Gastos com obras, bens e serviços sobem 1154 milhões



CONTRATAÇÃO PÚBLICA
por: João D'Espiney

02.10.2017

Número de contratos publicados no portal Base até agosto é o mais alto pelo menos desde o ano de 2014
 
 
 A seguir Belém já promulgou diploma das reformas antecipadas Mais vistas Software desenvolvido para leitura dos dados do Cartão de cidadão, através de telemóvel. Fotografia: Amin Chaar / Global Imagens Justiça Há mudanças no Cartão de Cidadão já a partir de amanhã 41 Cidades Estamos em perigo? As 50 cidades mais violentas do mundo pexels-photo-132700 Trabalho Quais as áreas com mais e menos saída profissional em Portugal? 20 locais que tem de visitar em Portugal pelo menos uma vez na vida. Foto: Alfredo Cunha/Global Imagens Turismo 20 locais em Portugal que tem de visitar antes de morrer estradas-ae-e1493208262856-17d20c88b316564eacf040058ccc94aaf39ed36c estudo Chumbou no exame de condução? É sinal de inteligência 
 
Os organismos públicos publicaram 87 204 contratos de empreitadas de obras públicas e de aquisição de bens e serviços nos primeiros oito meses de 2017, o que representa o número mais alto pelo menos desde 2014. 
 
De acordo com a análise do DN/Dinheiro Vivo aos dados das sínteses mensais da contratação pública, que começaram a ser divulgados em outubro de 2016, os contratos publicados até agosto traduzem um acréscimo de 16% (12 078) em relação a igual período de 2016. Só no mês de agosto, foram publicados 10 319 contratos, valor que ultrapassa o número médio mensal verificado desde janeiro de 2014 (9304). Ainda assim, foi só o sexto maior desde o início do ano. Em março foram publicados 12 604 contratos. 
 
 O relatório do Instituto dos Mercados Públicos, do Imobiliário e da Construção (IMPIC), organismo que gere o portal Base da contratação pública, refere ainda que foi em outubro de 2015 que se verificou o maior pico de contratos publicados (12 816). O pior mês foi em agosto de 2014 (6527). 
 
 (...)

Sem comentários: