[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

terça-feira, 10 de outubro de 2017

Exportações aceleram. Batem importações pela primeira vez no ano







Tanto as exportações como as importações de bens aumentaram em agosto. O crescimento das exportações foi, no entanto, superior ao das importações pela primeira vez em 2017.
As exportações de bens cresceram a um ritmo mais acelerado do que as importações em agosto. Foi a primeira vez este ano que as exportações aumentaram mais do que as importações, sendo esta evolução explicada pelo crescimento das vendas para o exterior tanto de material de transporte como de combustíveis e lubrificantes, revela o Instituto Nacional de Estatística (INE).

“Em agosto de 2017, as exportações e as importações de bens registaram variações homólogas nominais de, respetivamente, 14,3% e 12,8% (4,6% e 13% em julho de 2017, pela mesma ordem)”, nota o INE. Foi a primeira vez este ano que se registou um aumento das exportações com um ritmo superior ao das importações.

Bruxelas quer fim da isenção do IVA nas exportações

“Os maiores contributos para a aceleração das exportações provieram das categorias económicas de material de transporte e de combustíveis e lubrificantes” que cresceram 39,1% e 38%, respetivamente, diz o INE. “Excluindo os combustíveis e lubrificantes, as exportações aumentaram 12,4% e as importações cresceram 14,7%”, salienta. Nas importações, o maior aumento correspondeu ao material de transporte: 30,6%.

Défice continua a aumentar

(...)

Sem comentários: