[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Modelo do polémico anúncio da Dove não considera a publicidade racista


A modelo negra que participou no anúncio da Dove acusado de racismo defendeu a marca e afirmou que a intenção seria a oposta: celebrar a diversidade étnica e nunca desprezar as mulheres negras.

(dr)
Lola Ogunyemi viu-se no meio de uma polémica nas redes sociais devido ao anúncio a um gel de banho da marca de produtos de beleza. O vídeo de 3 segundos publicado na página de Facebook da Dove mostrava inicialmente uma mulher negra a tirar a t-shirt para revelar uma mulher branca que volta a despir a parte de cima e aparece uma asiática.

Nas redes sociais Facebook e Twitter muitas pessoas consideraram que as imagens significavam que os brancos eram mais limpos e bonitos que os negros acusando a marca de racismo e de falta de sensibilidade.

Eu não sinto que foi racista“, disse a modelo Lola Ogunyemi numa entrevista à BBC, onde revelou que estava muito contente por ser “a cara negra da campanha” e por ter a oportunidade de “representar as irmãs de pele escura numa marca de beleza global”.

O anúncio tinha uma versão de 30 segundos para a televisão que continha outras imagens e ainda um slogan que tornava a intenção da campanha mais clara, ou seja, dizer que todas as mulheres merecem produtos de qualidade, explicou a modelo nigeriana.
 
(...)

Sem comentários: