[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

quinta-feira, 30 de novembro de 2017

Alerta: crianças podem confundir cápsulas de detergente com gomas

 
 
 
 
Sociedade

Aviso é do Centro de Informação Antivenenos, que regista dezenas de casos anualmente

Detergente.
Pixabay
Detergente 
O Centro de Informação Antivenenos deixa o alerta: as cápsulas solúveis de detergente podem ser confundidas com guloseimas pelas crianças mais pequenas. Podem engoli-las ou ferir os olhos se houver contacto e há dezenas de casos contabilizados todos os anos.

A responsável do centro, que funciona na dependência do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), Fátima Rato, disse à agência Lusa que o alerta tem hoje "toda a pertinência", porque apesar de o número de casos ter vindo a baixar, as "cores brilhantes e chamativas" das cápsulas continuam a ser confundíveis com as de guloseimas, rebuçados ou doces.
"As lesões resultantes destes casos são de baixa gravidade, mas as oculares são as mais preocupantes"
Em 2015, houve 140 casos de exposição de crianças com menos de 10 anos a detergentes. No ano seguinte, 115 e, neste ano de 2017, 41 casos contabilizados no primeiro semestre.

Ainda há poucos dias, o INEM foi chamado por causa de uma criança que trincou uma cápsula, que rebentou e espirrou o detergente para os olhos, contou Fátima Rato.

(...)

Sem comentários: