[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Cantinas: são as empresas que cozinham que fazem a fiscalização


TVI24 

 Sociedade

Ordem dos Nutricionistas e PAN querem que seja o Estado a fiscalizar alimentação nas escolas

Ana Carvalho, coordenadora das ementas escolares no município de Monchique, considera que as ementas vegetarianas "são uma forma de incutir mais legumes e variedade dos pratos".
Lusa
Ana Carvalho, coordenadora das ementas escolares no município de Monchique, considera que as ementas vegetarianas  
A bastonária da Ordem dos Nutricionistas e o deputado do PAN André Silva defenderam hoje que o Estado tem de apostar na fiscalização a qualidade das refeições e dos produtos disponibilizados nas cantinas, nos bares e nas máquinas das escolas. André Silva revelou mesmo que são as próprias empresas que fornecem a alimentação que fazem  a fiscalização.

Alexandra Bento e André Silva visitaram hoje a Escola Básica 2,3 Professor Delfim Santos, em Lisboa, para observar a qualidade das refeições e alertar para a importância da educação alimentar durante a infância e para a promoção de hábitos alimentares saudáveis.

A má qualidade e pouca quantidade das refeições escolares têm sido denunciadas através de fotografias divulgadas por pais e encarregados de educação, que apresentaram cerca de 70 queixas à Direção-Geral de Estabelecimentos Escolares (DGEstE)
"“Há problemas alimentares nas escolas”, mas “numa dimensão muito diversa”, que passa pelas cantinas, pelos bares, pelas máquinas de venda automática e chega mesmo ao que as crianças levam nas lancheiras, disse a bastonária.
Na sua opinião, “dizer-se que é só nas cantinas” ou que a situação se deve “ao binómio administração direta/concessão das refeições” é tratar “o problema de uma maneira muito leve”.
(...)

Sem comentários: