[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Preço do gás desce mas Portugal continua a ser dos que mais paga





Os preços do gás em Portugal desceram, mas continuam a ser os mais elevados da União Europeia. Na eletricidade Portugal é o segundo país da UE que mais paga.

O preço do gás em Portugal teve a segunda maior quebra homóloga da União Europeia (UE) no primeiro semestre deste ano, mas as famílias pagam as contas de energia mais altas, segundo o Eurostat.

Os consumidores portugueses pagavam, no primeiro semestre, o segundo mais alto preço da eletricidade expresso em paridade do poder de compra (PPC) – uma moeda artificial que elimina as diferenças de níveis de preços entre países – num total de 28,6 PPC por 100 Kwh, depois da Alemanha (28,7) e acima da Polónia (25,9) da Bélgica (25,6) e de Espanha (25,4).

Segundo dados do gabinete de estatísticas da UE, pelo menos metade da fatura da eletricidade é composta por impostos e taxas em Portugal (52%), na Alemanha (54%) e na Dinamarca (67%). Malta é o Estado-membro que menos taxas aplica sobre o preço da eletricidade (5%), seguindo-se a Croácia (15%) e a Bulgária (17%).
(...)

Sem comentários: