[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

quinta-feira, 30 de novembro de 2017

Primeiros 30 mil litros de plasma português vão seguir para transformação em medicamentos


Actualidade

por: Lusa
 30.11.2017
 
Os primeiros 30 mil litros de plasma português para transformação em medicamentos vão começar a ser fracionados e, numa segunda fase, resultante de protocolos que serão hoje assinados, essa quantidade deverá atingir os 50 mil litros.

A informação foi avançada à agência Lusa pelo presidente do Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST), João Paulo Almeida e Sousa, para quem a utilização do plasma português, com vista à autossuficiência de Portugal em alguns dos medicamentos provenientes do plasma fracionado, é "um desafio".

Após anos em que o plasma remanescente do utilizado nas transfusões não era aproveitado, obrigando à aquisição dos produtos farmacêuticos produzidos com este material, Portugal vai enviar para fracionamento os primeiros 30 mil litros de plasma, oriundos do IPST.

Sem comentários: