[ Director: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano X

quarta-feira, 15 de novembro de 2017

Utilização doméstica de energia desceu 11,1% entre 2000 e 2015

A quantidade líquida de energia utilizada em Portugal desceu 11,1% entre 2000 e 2015, enquanto o consumo final de produtos energéticos pelas famílias diminuiu 14,9%, informou hoje o Instituto Nacional de Estatística (INE).
De acordo com a informação divulgada pelo INE referente a fluxos de energia, "entre 2000 e 2015, a utilização doméstica de energia decresceu 11,1%, apesar do aumento em volume do Produto Interno Bruto (PIB) em 3,0%".

"Em consequência, verificou-se uma redução de 13,7% na intensidade energética implícita no PIB", aponta o instituto.
Neste período, houve, assim, uma "redução do consumo final de produtos energéticos pelas famílias", de 14,9%, assinala o INE, observando que também a utilização energética 'per capita' das famílias desceu 15,4%.

O organismo nota que a variação foi "acompanhada de uma diversificação das fontes de abastecimento energético".
(...)

Sem comentários: