[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Mudanças simples no estilo de vida podem evitar 40% dos cancros


Um novo estudo mostra que quase 40% dos cancros podem ser evitados com simples mudanças no estilo de vida.
Engin_Akyurt / Flickr

Não é segredo para ninguém que, além dos fatores genéticos, várias escolhas que fazemos na nossa vida podem influenciar o desenvolvimento de cancro. Mas um novo estudo mostra que muitas mortes relacionadas com a doença podem mesmo ser evitadas com mais exercício físico, menos álcool, menos tabaco e outras mudanças no nosso estilo de vida.

Usando dados oficiais da população da Austrália em 2013, os investigadores descobriram que 38% das mortes causadas pela doença – cerca de 16.700 mortes no total – poderiam ter sido prevenidas pela redução de fatores de risco.

Sem qualquer surpresa, o primeiro da lista era o tabaco, responsável por 23% das mortes relacionadas com cancro no país, enquanto a dieta alimentar, a obesidade e as infecções representavam 5% cada.

Com este estudo, os investigadores pretendem incentivar a redução destes números. “O cancro é a maior causa de morte na Austrália”, diz um dos cientistas envolvidos, David Whiteman, do QIMR Berghofer Medical Research Institute. O estudo foi publicado, em outubro deste ano, no International Journal of Cancer.
(...)

Sem comentários: