[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

Em 2019 já não terá de passar a ferro nem dobrar a roupa




Depois das liquidificadoras, máquinas de café, microondas e robôs de cozinha vem aí mais um eletrodoméstico para facilitar (e muito) as tarefas domésticas das famílias: um robô que não só passa a ferro como ainda dobra a roupa. Já há duas propostas de empresas norte-americanas em fase de desenvolvimento. Os protótipos foram apresentados na CES, a maior feira de tecnologia do mundo, e prometem chegar ao mercado no próximo ano.

link_SaldosA proposta mais cara é da Seven Dreamers Laboratories e funciona de forma simples. Depois de lavar e secar a roupa, só tem de colocá-la numa bandeja da máquina. Poucos minutos depois a roupa sai através de outra bandeja, já passada e dobrada. Além disso, a máquina reconhece o tipo de roupa e trata cada uma das peças consoante o tecido de que é feita. Os primeiros exemplares devem chegar ao mercado no final deste ano, mas não vão ser para todos os bolsos. A empresa prevê que venham a custar mais de 13 mil euros.

“Esperamos que as pessoas mais ricas as adquiram no início para podermos investir na pesquisa de forma a baixar o custo da Laundroid. Assim podemos vender ao maior número de pessoas a menos de dois mil dólares [1635 euros]“, explicou Shin Sakane, presidente e CEO da Seven Dreamers Lab. Inc.

A segunda proposta vem da Foldimate. É mais barata – 801 euros -, mas só passa e seca uma peça de cada vez e demora quatro minutos. No conceito originalmente pensado pela empresa, a máquina teria capacidade para secar e dobrar 20 peças de cada vez em apenas 10 segundos. Uma ideia que se revelou bastante difícil de concretizar (pode ver como este robô funciona no vídeo acima).
 
(...)

Sem comentários: