[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Sismo foi uma “chamada de atenção”, avisam peritos

por: Marta F. Reis
 16/01/2018

Portugal tem todos os anos cinco a 15 abalos sentidos pela população. Desde o final de 2017 há um novo sistema de alerta de tsunami

Shutterstock
Se o epicentro do sismo de ontem tivesse sido mais próximo de uma zona mais povoada, os estragos poderiam ter sido maiores. Fernando Carrilho, chefe de divisão de geofísica do Instituto Português do Mar e da Atmosfera, sublinha que o exercício é sempre especulativo, mas é expectável que um sismo de magnitude 4.9 causasse mais danos numa cidade como Lisboa.

Mesmo na zona de Arraiolos, tendo em conta que o abalo foi classificado com uma intensidade de v na escala de Mercali Modificada (MMI) – gradação de 1 a 12 que avalia efeitos sobre estruturas e pessoas –, o especialista admite que estavam à espera de alguns danos ligeiros. Ao final do dia, apesar do susto, não havia ocorrências registadas.

(...)

Sem comentários: