[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

quarta-feira, 29 de agosto de 2018

Lâmpadas de halogéneo vão apagar-se. Agora só se vendem LED

As lâmpadas de halogéneo vão deixar de ser vendidas na União Europeia (UE) a partir do próximo sábado, 1 de setembro. O objetivo é reduzir as emissões de CO2 e a pegada de carbono, através da transição para as luzes LED.

O custo destas lâmpadas incandescentes é mais baixo na compra, mas a durabilidade e eficácia energética das LED acaba por se traduzir numa poupança. Enquanto as lâmpadas de halogéneo duram cerca de dois anos, as de LED conseguem manter a luz acesa por 15 a 20 anos. Ler + (...)

Sem comentários: