[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

quarta-feira, 22 de agosto de 2018

Sete cuidados médicos que deve ter com a coluna do seu filho no regresso às aulas

De acordo com o médico ortopedista Luís Teixeira, "a fase escolar é marcada por transformações significativas na vida das crianças e adolescentes, a nível motor e psicossocial, pelo que é importante que os pais estejam atentos às queixas dos filhos e que intervenham na sua correção postural a fim de criar bons hábitos preventivos".

Um estudo publicado recentemente pelo "American Journal of Neuroradiology" revela que cerca de 50% das crianças sentiram dores nas costas antes dos 15 anos de idade. O médico ortopedista e presidente da Associação Sem Fins Lucrativos Spine Matters, Luís Teixeira, alerta para as causas que podem estar na raiz destes números. "É indispensável sensibilizar a população mais jovem a promover hábitos saudáveis e educá-los para uma postura vigilante em relação à coluna", defende o especialista.

O ortopedista adianta que: "será a partir dos 7 anos que o seu olhar deve estar mais atento aos pormenores e às queixas dos mais novos". "As dores nas costas nas crianças podem ser provocadas por inúmeros factores, sendo os principais relacionados com uma má postura à secretária ou à mesa, um excesso de carga no transporte das mochilas, falta de exercícios de fortalecimento muscular da zona lombar e um aumento dos hábitos sedentários (muitas horas sentados), obesidade, assim como o excesso de tempo passado nos dispositivos móveis", diz o especialista.

"Também algumas lesões ou quedas podem acabar por gerar episódios pontuais de dores na coluna", acrescenta, deixando alguns cuidados a ter com a coluna das crianças no regresso às aulas. Ler+ (...)

Sem comentários: