[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

quinta-feira, 13 de setembro de 2018

FMI diz que Portugal precisa de "esforço concertado" na redução do crédito malparado

O Fundo Monetário Internacional (FMI) considera que, ainda que a evolução seja positiva, é preciso um "esforço concertado" na redução do crédito malparado em Portugal.

Num comunicado a dar conta da conclusão do artigo IV aplicado a Portugal, ou seja, do resultado de uma visita de avaliação, os diretores do FMI elogiaram o progresso na redução do "stock" de NPL (sigla em inglês para "non-performing loans" ou crédito malparado), mas avisaram para a necessidade de "fortalecer o setor bancário, incluindo um esforço concertado" para o reduzir.
"Para evitar novas vulnerabilidades, os diretores [do fundo] encorajaram as autoridades a continuarem focadas na preservação de "standards" de crédito, na monitorização dos mercados hipotecários e em aplicar medidas de caráter prudencial onde for necessário", aconselhou a organização. Ler + (...)

Sem comentários: