[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

quarta-feira, 7 de novembro de 2018

Google Maps engana mulheres que procuram abortar, alerta investigação

Em vez clínicas de interrupção de gravidez, mulheres são direcionadas para centros com objetivo de as persuadir.

Ao que parece, estes centros procuram atrair mulheres que pretendem abortar ao manipular dados através do Google Maps. Ao pesquisarem por clínicas onde possam interromper a gravidez em segurança, estas mulheres são direcionadas para os referidos centros.
Confrontada com esta investigação, a Google assegurou que tomará as medidas apropriadas para prevenir que o problema continue.
“Se alguém acredita que um serviço da Google não a representa, podem reportá-lo para correção ou remoção. Lidamos com problemas denunciados tão rápido quanto possível”, pode ler-se no comunicado de um representante da empresa.

"in" Techaominuto, 7-11-2018

 

Sem comentários: