[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

Fatura detalhada dos combustíveis poderá ter “um sobrecusto para o cliente”, diz presidente da BP

O presidente da BP Portugal, Pedro Oliveira, defende que não há “virtude” na fatura detalhada, considerando que “é uma medida de arremesso político” e que terá “muito provavelmente um sobrecusto para o cliente final”.
 
“Estamos preparados, como temos estado ao longo de 90 anos, para aplicar a lei em Portugal. Agora, se me perguntar se há alguma virtude nessa lei, tenho que dizer que não”, afirmou Pedro Oliveira em entrevista à agência Lusa.
Uma semana após a publicação da lei com os novos deveres de informação dos comercializadores de combustíveis, o presidente da BP Portugal disse que “o consumidor português não precisa de ter uma bíblia fiscal num talão para saber que dois terços do preço da fatura, para não dizer mais, decorrem de impostos”. Ler + (...)

Sem comentários: