[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

quinta-feira, 14 de março de 2019

CGD volta a subir comissões. Levantar dinheiro com caderneta ao balcão custará o triplo

Mês e meio depois, a CGD volta a encarecer serviços. Clientes com a "conta pacote" mais barata, contas de universitários e levantamentos ao balcão com caderneta estão entre os principais alvos. 

 A Caixa Geral de Depósitos volta a carregar nas comissões. Pouco mais de um mês após a última atualização de comissões, em que uma das principais novidades foi o disparo de 60% do preço das transferências online, o banco liderado por Paulo Macedo volta a encarecer alguns serviços e produtos bancários. Desta vez entre os principais alvos estão os clientes com a “conta pacote” mais barata da instituição, as contas de estudantes universitários com mais de 26 anos, mas também os levantamentos de dinheiro ao balcão com caderneta que quase triplicam de preço. As mexidas entram em vigor em maio.

A partir de 15 de maio, os clientes da Caixa que disponham da conta Caixa S — a “conta pacote” mais barata da instituição — e que beneficiem da mensalidade com bonificação vão passar a pagar mais. Os clientes nessas condições pagam atualmente uma mensalidade de 2,50 euros (2,60 euros após Imposto do Selo). Quando entrar em vigor o novo preçário vão passar a pagar mensalmente 2,80 euros (2,91 euros com IS) por esse serviço, o que corresponde a uma subida de 12%. Ler + (...)

Sem comentários: