[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

sexta-feira, 27 de setembro de 2019

Há hospitais a recorrer a cobradores do fraque para recuperarem taxas moderadoras

Nos últimos sete anos, as instituições do Serviço Nacional de Saúde (SNS) não conseguiram cobrar 86 milhões de euros aos contribuintes portugueses.

Há hospitais públicos a contratar serviços a empresas de recuperação de créditos para cobrar taxas moderadoras em dívida. A notícia é avançada esta sexta-feira pela Rádio Renascença.
Uma dessas empresas é a sueca Intrum Portugal. "Taxas moderadoras, outro tipo de consultas, hospitais privados, também público, mas mais privados", confirmou o diretor-Geral da Intrum, Luís Salvaterra, àquela rádio.
Fonte do Ministério da Saúde explicou à Rádio Renascença que os hospitais têm autonomia de gestão e que, por isso, não têm de dar explicações à tutela sobre os métodos utilizados na cobranças de taxas moderadoras. Ler + (...)

Sem comentários: