[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

segunda-feira, 23 de setembro de 2019

União Europeia aprova pela primeira vez um medicamento à base de cannabis





O Epidyolex da GW Pharmaceuticals Plc foi aprovado pela União Europeia (UE) para o alívio de convulsões associadas a epilepsia. É a primeira vez que um fármaco à base de canábis é libertado no mercado dos 28 Estados-membros, avança a “Bloomberg”.


O medicamento contém óleo de canabidiol, produto extraído da planta de canábis, e é administrado na forma de xarope. O medicamento serve para aliviar as convulsões provocadas várias vezes ao dia por duas formas raras e extremas da doença – Dravet e Lennox Gastaut -, que se manifestam logo na infância.
A introdução no mercado do Epidyolex surge depois de vários países, como o Reino Unido, Alemanha e Itália, terem vindo defender o cultivo, fabrico e comércio da canábis para fins medicinais. Nos Estados Unidos, a Food and Drug Administration aprovou este medicamento em Junho. 
«Acreditamos que os pacientes e médicos merecem ter acesso a medicamentos à base de canábis rigorosamente testados, analisados, fabricados de acordo com os mais altos padrões e aprovados pelos reguladores de medicamentos», disse Justin Gover, director executivo da GW, citado em comunicado. Ler + (...)

Sem comentários: