[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

terça-feira, 10 de dezembro de 2019

Alunos consideram estacionamentos das universidades de Lisboa inseguros

Mais de 90% dos estudantes consideram que os estacionamentos das universidades em Lisboa são inseguros, segundo um estudo que revela ainda que para mais de 60% dos alunos o "piropo", crime em Portugal desde 2015, não constitui violência sexual.

 As conclusões constam do estudo 'Violência Sexual na Academia de Lisboa - Prevalência e Perceção dos Estudantes', realizado pela Federação Académica de Lisboa (FAL) entre 2018 e 2019, com a "cooperação observante" de três instituições que desenvolvem trabalho no apoio a vítimas de violência: a Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV); Quebrar o Silêncio; e União de Mulheres Alternativa e Resposta (UMAR).

Na introdução do estudo, a FAL explica que o seu objetivo é "abordar fundamentadamente a temática da violência sexual sobre a população estudantil do seu âmbito territorial" -- a área metropolitana de Lisboa - e que pretendeu fazê-lo analisando três dimensões: a perceção dos estudantes sobre o que constitui, ou não, violência sexual; o sentimento de segurança e perceção de riscos associados à frequência do ensino superior; e a prevalência com que situações de violência ocorrem. Ler + (...)

Sem comentários: