[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

quarta-feira, 4 de dezembro de 2019

Tribunal de Contas arrasa municípios na implementação dos planos de defesa contra incêndios

Instituição diz que os municípios adotam planos para defender floresta contra incêndios "para suprir uma formalidade" e acusa responsáveis de "diminuto compromisso com a sua execução". 

 O Tribunal de Contas diz que os municípios estão a adotar os Planos Municipais de Defesa da Floresta Contra Incêndios “essencialmente para suprir uma formalidade” e poderem dizer que cumpriram as suas obrigações, mas que, na prática, estes não estão a acrescentar valor no combate aos incêndios porque os responsáveis têm um compromisso “diminuto” com a sua execução, não criaram mecanismos para acompanhar e avaliar os resultados das medidas e que nenhum deles consegue quantificar o contributo destes planos para a redução do número de incêndios no seu concelho.

Numa auditoria aos Planos Municipais de Defesa da Floresta Contra Incêndios (PMDFCI) e aos respetivos Planos de Defesa da Floresta Contra Incêndios (DFCI), a instituição liderada por Vítor Caldeira, usou uma amostra de quase trinta municípios para avaliar se estes planos estavam a ser implementados e os resultados alcançados. Ler + (...)

Sem comentários: