[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2020

Portugueses vão ter de declarar contas Openbank e N26 no IRS. Escapam as da Revolut

Se tem uma conta na Revolut, ainda não tem de a declarar no IRS este ano. Mas as contas no banco digital N26, Openbank e Bunq têm de ser mencionadas no Anexo J da declaração de rendimentos. 

Os portugueses vão ter de dizer ao Fisco, uma vez mais, que contas têm nos bancos digitais Openbank, N26 e Bunq, por serem consideradas contas bancárias domiciliadas no estrangeiro. Mas as da Revolut escapam a esta obrigatoriedade, porque a empresa ainda não tem licença bancária do Banco de Portugal, confirmou ao ECO fonte oficial da Autoridade Tributária (AT).

O tema foi suscitado no ano passado e “apanhou” de surpresa os fãs da nova banca digital, aplicações que ganharam expressão no país por não cobrarem comissões, ou terem comissões mais baixas do que os bancos tradicionais. Depois de analisar a questão, a AT concluiu, na altura, que a Revolut escapava a esta obrigação, por não ser considerada um banco. E esta situação, diz o Fisco, não mudou. Ler + (...)

 

Sem comentários: