[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

quinta-feira, 9 de abril de 2020

Entrar Mais Siga-nos: ERSE. Não haverá cortes de energia até ao fim de junho e faturas podem ser pagas em 12 meses

O regulador estabeleceu também regras adicionais para situações não cobertas inicialmente, tanto para comercializadores de energia como para consumidores empresariais. 

 Depois de em meados de março ter aprovado medidas excecionais e urgentes no contexto da pandemia de Covid-19, como o alargamento em 30 dias do prazo de pré-aviso para a interrupção do fornecimento para os clientes domésticos (Baixa Tensão Normal) e a possibilidade dos consumidores pedirem o pagamento fracionado de dívidas, sem juros, a Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos decidiu agora prolongar estas regras até 30 de junho.

Outra novidade para os consumidores domésticos é a possibilidade de fracionamento das faturas de eletricidade e de gás natural até 12 pagamentos mensais. Ler + (...)

Sem comentários: