[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

sexta-feira, 24 de abril de 2020

Pandemia pode lançar mais 130 milhões de pessoas para fome aguda em África

A pandemia de Covid-19 pode lançar mais 130 milhões de africanos para uma situação de fome aguda, alertou o economista-chefe do Programa Alimentar Mundial (PAM) da ONU.

A pandemia de Covid-19 pode lançar mais 130 milhões de africanos para uma situação de fome aguda, aumentando a necessidade de financiamento das organizações humanitárias, alertou esta quinta-feira o economista-chefe do Programa Alimentar Mundial (PAM) da ONU.
Esta estimativa pode duplicar o número de pessoas com necessidade profunda de assistência alimentar, que atualmente já afeta 135 milhões de pessoas por viverem em países conflitos ou instabilidade económica e política, às quais se juntam cerca de 821 milhões de pessoas em situação de fome crónica, completando um cenário de grande insegurança alimentar no continente. 
“Se juntarmos estes 130 milhões aos 135 milhões existentes soma 265 milhões com fome aguda em 2020, o que é um número muito grande para tratar”, vincou Arif Husain, durante um seminário por videoconferência promovido pelo Instituto Real de Relações Internacionais Chatham House, estabelecido em Londres. Ler + (...)

Sem comentários: