[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

segunda-feira, 29 de junho de 2020

Caixas solidárias. “As crianças chamam os pais e os vizinhos para fazerem as doações”

Projeto que nasceu em Portugal já voou para Espanha, Brasil e até Nova Zelândia. Ao i, Kelly Silveira conta como adaptou a iniciativa na sua clínica, na região sudeste brasileira.

Já são mais de 2500 caixas solidárias espalhadas por Portugal, de norte a sul do país, com alimentos e outros bens essenciais. Mas este projeto que começou em inícios de abril e procura ajudar os mais carenciados em tempos de pandemia de covid-19 ganhou asas e já voou em direção a Espanha, Brasil e até Nova Zelândia. No país do samba, por exemplo, “não é possível” deixar as caixas solidárias em plena rua, “devido à situação socioeconómica do país”, mas há clínicas de saúde mental no estado do Espírito Santo – região sudeste do Brasil – que não atiraram a toalha ao chão e adaptaram o projeto para, mesmo assim, chegarem a quem está a passar por dificuldades financeiras devido ao novo coronavírus. Ler + (...)

Sem comentários: