[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

segunda-feira, 29 de junho de 2020

Grandes marcas organizam campanha para boicotar publicidade no Facebook

Mais de 160 empresas juntaram-se, com outras a prepararem-se para o fazer, com o intuito de concertadamente boicotarem a compra de publicidade no Facebook durante o mês de julho como forma de protesto contra a política de discurso de ódio naquela rede social
Verizon, Starbucks, Ben & Jerry’s, Coca-Cola, Honda, Levi Strauss e Unilever são algumas das marcas e empresas mais conhecidas que aderiram à campanha #StopHateForProfit e vão suspender a compra de publicidade no Facebook, nos EUA, durante o mês de julho. A iniciativa pede esta suspensão como forma de protesto pela política de discurso de ódio na rede social. Jim Steyer, diretor executivo da Common Sense Media, explica que o apelo vai ser alargado a grandes empresas também na Europa, para que sigam o exemplo daquelas marcas.
O protesto foi organizado pela Free Press e pela Common Sense, em conjunto com a Liga Anti-Difamação e o grupo de defesa de direitos civis Color of Change, ambos dos EUA, na sequência da morte de George Floyd, às mãos de um agente da polícia de Minneapolis. Ler + (...)

Sem comentários: