[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

quinta-feira, 4 de junho de 2020

Um terço das empresas de restauração não reabriu após o estado de emergência

Das empresas que voltaram a abrir portas, 45% não conseguir ter uma faturação média acima dos 10%.

Cerca de um terço das empresas de restauração não retomou a atividade suspensa devido à Covid-19 e quase metade tem registado uma faturação média inferior a 10%, revelou a associação representativa do setor.
A Associação de Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) cita os resultados de um inquérito feito, entre 31 de maio e 3 de junho, com respostas válidas de 1.510 empresas, de restauração, bebidas e alojamento turístico, para reafirmar a necessidade de se adotarem medidas de apoio.
Segundo o levantamento feito, na data em que podiam reabrir, a 18 de maio, 36% das empresas de restauração não o fizeram, a mesma percentagem de estabelecimentos que pondera avançar para a insolvência.
Das empresas que voltaram a abrir portas, 45% respondeu no inquérito não conseguir ter uma faturação média acima dos 10%. Ler + (...)

Sem comentários: