[ Diretor: Mário Frota [ Coordenador Editorial: José Carlos Fernandes Pereira [ Fundado em 30-11-1999 [ Edição III [ Ano XII

segunda-feira, 15 de junho de 2020

Vem aí mais uma fase de desconfinamento. Isto é tudo o que muda, e o que não mexe

Mais lojas e centros comerciais abertos e ajuntamentos com mais pessoas são algumas das medidas de alívio que arrancam esta segunda-feira. Ainda assim, continuam a existir restrições.

Esta segunda-feira arranca mais uma fase de desconfinamento, que prevê menos restrições para os portugueses. Mais lojas e centros comerciais abertos, mais pessoas reunidas e mais cruzeiros e voos a operar. Ainda assim, continuará a haver limitações, desde um limite de pessoas no interior de um carro ou horários condicionados em certos estabelecimentos.
O ritmo de novos casos de coronavírus tem estado a abrandar (exceto na região de Lisboa e Vale do Tejo) e, face a isso, o Governo tem estado a aliviar as medidas de confinamento de forma gradual. Amanhã arranca mais uma fase de desconfinamento e, se tudo correr bem, Portugal poderá, a 1 de julho, passar do estado de calamidade para o estado de contingência, segundo o primeiro-ministro. E haverá mesmo zonas como o Algarve e o Alentejo que ficarão apenas em estado de alerta. Ler + (...)

Sem comentários: